Pró-reitor da UFG precisa de doações de plasma para tratamento contra Covid-19

Professor Laerte Guimarães está internado em tratamento em um hospital particular de Goiânia

Circula nas redes sociais o pedido dos familiares do pró-reitor de pós-graduação da Universidade Federal de Goiás (UFG), professor Laerte Guimarães Ferreira Júnior, para doação de sangue tipo A positivo. Esses doadores precisam já ter se infectado pelo novo coronavírus e já estar curados. A ideia é usar o plasma e os anticorpos contidos nele para o tratamento do professor, que foi internado após diagnostico da doença.

O pró-reitor tem está com quadro grave da doença, mas consegue respirar sem ajuda de aparelhos. Para doar, é necessário a pessoa ter contraído a Covid-19 de forma assintomática. O doador precisa estar curado da doença há mais de de 20 dias, ter entre 18 a 60 anos, pesar acima de 55 quilos e a preferência é para doadores do sexo masculino ou mulheres que nunca engravidaram.

Para mais informações, pode entrar em contato no Banco de Sangue do Hemolabor, local onde será coletado as doações, pelo (62) 3605-6600.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.