Primeira etapa de vacinação contra Covid-19 deve imunizar 1,8 milhão de goianos

Governador anuncia que pessoas do grupo de risco, trabalhadores da saúde e da segurança púbica serão atendidos nesta fase

Foto: Reprodução

O governador Ronaldo Caiado (DEM) está em Brasília onde participa nesta terça-feira, 8, de audiência com o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, para tratar da vacinação contra Covid-19, e de toda a logística que envolve o Plano Nacional de Imunização. Goiás tem uma previsão de receber 1,8 milhão de vacinas para atender ao primeiro grupo prioritário.

Antes do encontro, o governador reafirmou seu posicionamento em defesa de uma política nacional de imunização. “Esse é um controle que é feito pelo Governo Federal, que adquire as vacinas e as distribui igualitariamente aos estados da federação, de acordo com o número de pessoas que compõem o grupo de risco, mais as equipes da área da saúde e da segurança pública”, defendeu.

Para Caiado, é preciso evitar que os estados e municípios atropelem a politica nacional e iniciem uma corrida maluca, onde cada um pode agir por si. “Cabe a nós estarmos com todo o aparato de seringas, enfermeiras, técnicos, locais de distribuição da vacina e ambiente apropriado para aplicá-la”, argumentou.

O governador lembrou que uma política de estado poderia penalizar a população de locais com menor poder aquisitivo ou que estão localizadas em regiões mais longínquas do país. Questionado se Goiás poderia agir em caso o governo federal demore a agir, o governador disse acreditar que isso não vai acontecer.

“Todos nós somos brasileiros e todos que estão no grupo de risco merecem receber a vacina de uma forma igual, independente do estado que estejam vivendo”, acrescentou, ao frisar que as vacinas liberadas e autorizadas devem ser distribuídas. “A que tiver no mercado, a que estiver pronta deve ser distribuída corretamente”, defendeu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.