PRF realiza barreiras para evitar fuga de Lázaro Barbosa por rodovias federais

As ações estão ocorrendo desde o triplo homicídio, em 9 de junho

Desde a madrugada do último dia 09 de junho, quando Lázaro Barbosa de Souza, 32 anos, invadiu uma chácara no Incra Alexandre Gusmão, região rural de Ceilândia/DF, às margens da BR 070, e matou a facada e tiros três pessoas da mesma família, um pai e dois filhos, e sequestrou a mãe, a PRF tem apoiado a força integrada para capturá-lo.

As ações da PRF ocorrem diuturnamente desde o triplo homicídio, madrugada em que a PRF se integrou às demais polícias para capturar o suspeito na região de Ceilândia/DF. Com a notícia da migração dele para Goiás, todas as demais forças de segurança pública se integraram e a PRF passou a apoiar a operação contando com cerca de, em média, 45 policiais por dia, das regionais do DF e GO.

Equipes foram destacadas para efetuar fiscalização em barreiras na BRs 070, 414 e 153. Os pontos de execução são baseados no acompanhamento da posição do fugitivo pela mata. As abordagens são criteriosas e minuciosas, buscando identificar todos os ocupantes e pertences nos veículos, no intuito de não tornar a BR uma opção como rota de fuga. Está havendo também constante patrulhamento dos lotes lindeiros à rodovias federais.

É fundamental o apoio de usuários da via também nas denúncias, informando a polícia sobre qualquer atividade que perceberem suspeita, discando o nosso número de emergência 191, em funcionamento 24 horas por dia.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.