Previsto para ser entregue dia 08 de março, Hospital de Uruaçu terá 68 leitos de UTI exclusivos ao tratamento da Covid-19

De acordo com o governador, após fim da fase crítica da pandemia, o espaço funcionará como unidade geral para atendimento regional de urgência e emergência

O Hospital de enfrentamento à Covid-19 do Centro-Norte Goiano (HCN), em Uruaçu, está previsto para ser entregue no próximo dia 08 de março. Neste domingo, 28, a unidade foi vistoriada pelo governador Ronaldo Caiado (DEM). Com 68 leitos de Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) e 118 enfermarias, a maior unidade de saúde da região será referência para tratamento de casos suspeitos e confirmados pela Covid-19. Com isso, o Estado passa a contar com mais de 700 unidades de UTI. 

“Essa unidade será transformada em um hospital que vai dar suporte 100% ao tratamento e enfrentamento à Covid-19. Durante todo esse período ele será exclusivo de pacientes acometidos pela Covid. Terá aqui não só uma estrutura diferenciada, como também toda uma equipe muito bem treinada, diante de um ano que nós já estamos convivendo, infelizmente, com esse vírus”, afirmou Caiado durante a vistoria.

O hospital já recebeu equipamentos para acompanhamento e diagnóstico dos pacientes. Foram instalados tomógrafos de 64 canais, aparelhos de raios X e ultrassonografia, entre outros. “Um tomógrafo que tem uma capacidade de resolução, uma rapidez de fazer uma tomografia de pulmão e com imagem com nível de detalhes maior ainda”, explicou o governador sobre a tecnologia adquirida para atender a população no local.

Pós-pandemia

O Hospital do Centro-Norte Goiano terá finalidade de hospital geral para atendimento regional de urgência e emergência. A estrutura comportará cirurgias, internações e casos de alta complexidade. O investimento do Governo de Goiás na construção é de R$ 117 milhões, o que torna a obra a maior da área da saúde da região.

O local também terá um centro oncológico. “Teremos aqui também em Uruaçu uma ala do hospital para tratar pacientes com câncer. Tudo isso será instalado aqui dentro, lógico com estrutura de hemodiálise, centro cirúrgico, de UTIs, de cirurgias de urgência e de rotina, e também de atendimento aos pacientes do ponto de vista clínico”, anunciou o governador.

O empreendimento possui uma área total de 63 mil metros quadrados de terreno e 35 mil metros quadrados de área construída.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.