Presidente da Cei da Educação cobra dados da Secretaria Municipal

Pasta afirma que ainda não tem estatísticas quanto ao preenchimento de vagas porque unidades educacionais estão em recesso

Foto: Reprodução

A vereadora Sabrina Garcêz (PTB), que vai presidir a recém instaurada Comissão Especial de Inquérito (CEI) da Educação, relata que aguarda dados da Secretaria Municipal para tocar as ações.

Segundo a petebista, na última audiência pública realizada com o secretário Marcelo Ferreira da Costa, os parlamentares e a comunidade exigiram o envio de um apanhado do preenchimento das vagas nas instituições de ensino municipais durante período de matrículas.

No entanto, o Jornal Opção entrou em contato recentemente com a pasta, que disse ainda não ter esses dados devido ao recesso das unidades educacionais. A resposta foi vista com estranheza pela vereadora. “Uma secretaria que não tem diagnóstico é muito estranho”, disse.

Sabrina conta que as mães que têm contato com ela têm se mostrado apreensivas. “Muitas não conseguem fazer matrícula, a tensão está terrível”, relata.

Conforme exemplifica a parlamentar, as mães que foram obrigadas a tirar os filhos de 4 anos de idade e colocá-los em escola regular ficam ansiosas para saber se o estabelecimento estará adaptado para as necessidades das crianças.

Isso sem contar aquelas que ficaram sem vagas e não têm ideia se conseguirão. “Agora a gente fica de mãos atadas, o que eu posso fazer é aguardar o recesso parlamentar voltar para adiantar a CEI e fazer esse diagnóstico para apresentar a outras instâncias”, explica.

Vale lembrar que as aulas vão começar já no dia 21 de janeiro, de acordo com informações da pasta da Educação. Ou seja, restam apenas 10 dias que os problemas referente às vagas sejam resolvidos antes de prejudicar a grade curricular das crianças.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.