Presidente da CCJ busca consenso sobre relatoria do Plano Diretor

“Escolha da relatoria é a cargo da presidência, respeitando-se quando possível a ordem alfabética de seus membros”, afirma Sabrina Garcêz

A presidente Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara Municipal de Goiânia, vereadora Sabrina Garcêz (sem partido), falou ao Jornal Opção sobre o processo de escolha da relatoria do Plano Diretor na comissão. A Casa vive uma disputa entre um representante da base, Welington Peixoto (MDB), e outro da oposição, Dra. Cristina (PSDB).

“A escolha da relatoria é a cargo da presidência, respeitando-se quando possível a ordem alfabética de seus membros”, explica a parlamentar.

A vereadora explicou que tem conversado individualmente com todos os vereadores que participam da comissão para saber quem realmente tem interesse na relatoria. “Se houver interesse de mais de um membro a escolha será feita respeitando o critério que já é estabelecido, que é por ordem alfabética”, explica Sabrina.

A reportagem falou com alguns integrantes da CCJ, que informaram não saber qual é a próxima letra a ser contemplada com a relatoria. Segundo disseram, são muitos processos e somente a presidência teria esse controle.

Essas informações, assim como a escolha final do relator devem ser divulgadas na próxima reunião prevista para acontecer na terça-feira, 3, ou na quarta-feira, 4, quando o grupo se reúne para debater o projeto de revisão do Plano Diretor.  

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.