Presidente da Acieg afirma que apoia lockdown em Goiânia

“Os números apresentados são terríveis”, diz o representante classista

Em vídeo divulgado logo após uma reunião com prefeitos da região metropolitana de Goiânia e o governador Ronaldo Caiado, o presidente da Associação Comercial, Industrial e de Serviços do Estado de Goiás (Acieg) Rubens Filete, afirmou que apoia o lockdown em Goiânia e Aparecida de Goiânia. “Os números apresentados são terríveis”, diz o representante classista.

“Será decretado lockdown na próxima segunda-feira. O decreto será elaborado no dia de amanhã (sábado). Estamos enviando algumas sugestões”, disse o presidente da Acieg. Segundo ele, as regras para fechamento será bem parecido com o publicado no ano passado, em que apenas os setores essenciais puderam seguir em funcionamento.

“Infelizmente essas medidas são necessárias. A rede hospitalar colapsou. Os números apresentados são terríveis e temos um índice de infecção muito alto”, argumentou Rubens Filete, ao dizer que sempre defendeu o setor produtivo, mas que desta vez defende o fechamento. “A situação está fora de controle e precisamos trazer de volta para o controle”, completou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.