Presidenciável Marina Silva cumpre agenda em Goiás nesta sexta (24)

Candidata visita fazenda em Ipameri ao lado de líderes da Rede Estadual

Divulgação

A presidenciável pela Rede Sustentabilidade, Marina Silva, cumpre compromisso de agenda da campanha eleitoral nesta sexta-feira (24) em uma fazenda, em Ipameri, no interior de Goiás.

Edson Braz, membro do Diretório Nacional, os candidatos a deputado federal Lília Monteiro e Valmiro Batista, e os porta-vozes do partido em Goiás, Aluízio Ferreira e Eva Cordeiro, receberão a candidata na cidade.

O avião pousará em Brasília no início da manhã desta sexta-feira e às 6 horas a comitiva deixará a capital federal, com saída do CONIC, com destino a Ipameri. A previsão é de que todas as vans cheguem por volta das 10 horas à Fazenda Santa Brígida, de propriedade da Dra. Marize Costa.

Na Fazenda, Marina Silva conhecerá o Sistema de Integração Lavoura, Pecuária e Floresta, que é uma referência da Embrapa. Conforme a assessoria de Marize, durante a visita institucional será apresentada à presidenciável toda a evolução do sistema ao longo dos 12 anos de implantação, bem como os benefícios da integração de lavoura, pecuária e floresta.

Até as 11 horas, Marina fará uma caminhada pela fazenda e às 11h30 a presidenciável concederá coletiva de imprensa até as 12 horas. Em seguida, a candidata almoçará na cidade de Ipameri, por volta das 12h30, e ouvirá as demandas da população goiana. A expectativa é de que Marina volte para Brasília até as 17 horas.

Comitiva

Acompanharão Marina Silva o coordenador de equipe Tácius Fernandes; o jornalista Cláudio Ângelo; o fotógrafo Leo Cabral; o assessor pessoal da candidata Eudes Silva; os cinegrafistas Hermano e João Pedro; entre outros integrantes importantes da campanha eleitoral.

Além disso, Marina Silva será acompanhada por jornalistas e fotógrafos da Folha de S. Paulo, Valor Econômico, Gazeta do Povo, Reuters, Correio Braziliense, Estado de S. Paulo (Estadão), equipe do André Lima e do Jornal Nacional, e os jornalistas Luciana Amaral e Roberto Fiuza.

Deixe um comentário