Prefeitura volta ao expediente normal em abril

Desde novembro, funcionários do Paço Municipal trabalham em carga horária reduzida para contenção de gastos

Vereadores da base reivindicam alterações | Fernando Leite/Jornal Opção

Fernando Leite/Jornal Opção

A partir do próximo dia 4 de abril, os funcionários da Prefeitura de Goiânia voltam a cumprir a habitual carga horária de oito horas. Anúncio foi feito pelo próprio prefeito Paulo Garcia (PT), durante prestação de contas referentes ao terceiro quadrimestre de 2015.

Desde novembro do ano passado, os servidores públicos municipais trabalham das 7h às 13 horas, cumprindo apenas seis horas de trabalho. A medida foi tomada com o objetivo de contenção de gastos com água, luz e telefone . Inicialmente, o expediente reduzido deveria durar até maio deste ano, mas a suspensão da medida foi antecipada para abril.

Sobre a economia gerada, o prefeito explicou que “até agora foram computados uma economia de R$ 4,8 milhões para os cofres da prefeitura, mas como nem todos os órgãos terminaram de fazer a contabilidade, a expectativa é de que esse número chegue a R$5,5 milhões”.

Deixe um comentário