Prefeitura recupera monumentos Santos Dumont e do Bandeirantes, depredados por vândalos

Estruturas passarão por limpeza e restauração. No caso da estátua do Setor Aeroporto, que teve placas de mármore roubadas, funcionários elevarão altura

| Foto: Diretoria Operacional da Comurg

Funcionários farão ronda em outras praças da cidade para verificar condição de estátuas e bustos | Foto: Diretoria Operacional da Comurg

A Prefeitura de Goiânia iniciou, nesta terça-feira (29/11), a recuperação dos monumentos Santos Dumont, na Praça do Avião, no Setor Aeroporto, e do Bandeirantes, no Centro da cidade. Segundo a assessoria do Paço Municipal, as duas estruturas sofreram ataques de vândalos, que depredaram, jogaram tinta e roubaram placas de mármore.

Além de retirar o mármore que restou no monumento do Santos Dumond, para impedir que elas também sejam furtadas, a prefeitura vai aumentar em um metro a altura da estrutura. Ele também passará por limpeza e restauração, assim como o restante da praça. No caso do Bandeirantes, atingindo recentemente por tinta vermelha, a Companhia de Urbanização (Comurg) vai repintar a base.

Segundo o presidente da Comurg, Edilberto Dias, os atos de vandalismo nas ruas da cidade representaram prejuízo de quase R$ 100 mil por mês aos cofres públicos. Ele afirmou que, além de fazer a restauração destes dois movimentos, o órgão também recebeu orientação para verificar condições de bustos, estátuas e monumentos de todas as praças da cidade.

Esta é a segunda vez que estruturas goianienses são depredadas em 2016. Em abril, vândalos roubaram dedos de escultura doada pela Associação dos Artesãos de Goiás na Praça Universitária. Foram furtados dois deles, cada um pesando 150 kg e feito de bronze. Pouco tempo depois, a prefeitura os encontrou.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.