Transito no local já foi alterado para execução dos serviços que devem se prolongar até 20 de dezembro

Avenida 4ª Radial interditada para obras | Foto: Prefeitura de Goiânia

A Prefeitura de Goiânia iniciou nessa quarta-feira, 2, a execução de mais uma etapa das obras do BRT Norte-Sul, na Avenida 4ª Radial, entre a Couto Magalhães e Laudelino Gomes, no Setor Pedro Ludovico. O trânsito no local foi alterado para a realização dos serviços.

Iniciados no final de junho deste ano, já foram concluídos os pavimentos rígido e flexível e a rede de drenagem da pista direita da via, entre as avenidas Circular e Couto Magalhães e a previsão é concluir esses serviços nesse último trecho – Couto Magalhães/Laudelino Gomes – até o dia 20 de dezembro.

O processo licitatório do trecho 1 do BRT teve orçamento equivalente a R$ 85 milhões e foi fechado com deságio de cerca de 21%, por pouco mais de R$ 67 milhões, recursos provenientes do Orçamento Geral da União. O investimento está previsto no Plano Plurianual 2018-2020 e na Lei de Diretrizes Orçamentárias vigente.

De acordo com o projeto do sistema BRT Norte-Sul, o trecho a ser construído corresponde a 5,1 km de extensão e está localizado entre o Jardim Nova Era, em Aparecida de Goiânia, e Setor Pedro Ludovico, em Goiânia.

Esse trecho 1 é composto por uma trincheira, dois terminais de integração aos ônibus comuns (Terminal Cruzeiro e Terminal Correios) e cinco estações de embarque e desembarque.

Também integram as obras de construção do trecho a requalificação de 9,6 km de calçadas, pavimentação de 4,8 km de vias e sinalização viária de 4,8 km. O prazo para conclusão é de 18 meses.