Prefeitura e MP discutem medidas para resolver problema de abastecimento de água em Senador Canedo

Água foi restabelecida em todas as regiões da cidade e autoridades buscam meios de estabilizar sistema

Uma reunião foi realizada na sede do Ministério Público, em Senador Canedo, para discutir medidas de resolução do problema de abastecimento de água no município. Participaram do encontro o presidente da Agência de Saneamento de Senador Canedo (Sanesc), Cainã Teodoro, o secretário de Planejamento, Indústria e Comércio, Rafael Gonzaga e o procurador Emilio Marques.

“Encontramos a Sanesc faltando diesel para os geradores, mas foi o primeiro problema resolvido. Verificamos bombas queimadas nas captações e as 7 bombas reservas também danificadas. Já adquirimos novos equipamentos, iniciamos a instalação na terça-feira (06). Dobramos a produção e alugamos carretas pipa para ajudar na transferência de água para a estação de tratamento”, disse Cainã em relatório entregue à promotora Marta Loyola.

A promotora explicou que acompanha o caso de perto desde a gestão passada e que até o final de dezembro não obteve resultados.

O Ministério Público junto com a Sanesc, Seplan e Procuradoria firmaram um acordo para atuarem em conjunto no problema da falta de água em Senador Canedo.

Restabelecimento

Na reunião realizada na quinta-feira, 7, o presidente da Sanesc explicou que a água já estava chegando em parte das residências. No entanto, para o abastecimento dos bairros mais altos seria necessário mais vazão.

Na sexta-feira, 8, a situação da água foi restabelecida em todas as regiões da cidade, inclusive no Residencial Boa Vista, Paraíso e Buriti, que estavam entre os prejudicados. “Agora, o objetivo é fortalecer e estabilizar o sistema para que a falta de água não volte a ser problema”, finalizou Cainã Teodoro, presidente da Sanesc.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.