Prefeitura de Goiânia lança Passe Livre do Trabalhador nesta segunda-feira, 2

Serviço oferece até oito viagens diárias dentro de um período de 30 dias

O prefeito de Goiânia, Rogério Cruz (Republicanos), e o governador Ronaldo Caiado (UB) lançam o serviço Passe Livre do Trabalhador nesta segunda-feira, 2, no Paço Municipal. O serviço terá validade de 30 dias e permitirá até oito embarques diários sem custos, em qualquer horário e em qualquer dia da semana. Segundo estimativas da Companhia Metropolitana de Transportes Coletivos (CMTC), o benefício deve gerar economia de mais de 20% para o empregador.

Segundo o presidente da CMTC, Tarcísio Abreu, com as oito viagens disponíveis por dia, o trabalhador poderá usar o bilhete para atividades que não envolvam apenas compromissos profissionais. “Por exemplo: o profissional poderá aproveitar o horário de almoço para resolver outros assuntos, como pagar contas ou ir ao supermercado. E para depois do trabalho também. Quer ir ao shopping, ao cinema, jogar futebol, visitar a mãe? Ele poderá ir com o bilhete”, explica.

Com isso, cada empregador poderá decidir se mantém seus funcionários no plano de Vale Transporte atual ou passa para o Passe Livre do Trabalhador. No primeiro, a validade é de até 22 dias e garante duas viagens diárias para o passageiro. Com a novidade, o benefício oferece oito viagens por dia, validade de 30 dias e possibilidade de ser usado no final de semana, além de oferecer a economia de mais de 20% ao empregador.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.