Prefeitura de Goiânia e Governo de Goiás fiscalizam o Setor Campinas

Ação teve caráter orientativo e visa combater prática de comerciantes que insistem em realizar atendimentos presenciais a clientes mesmo com as proibições em virtude da pandemia de Covid-19

Fiscalização em Campinas | Foto: Prefeitura de Goiânia

Cerca de 20 comerciantes foram orientados, neste sábado, 18, a fecharem as portas e evitarem o atendimento presencial e entrega de produtos na porta das lojas aos clientes, sob pena de responderem a um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) por descumprimento de determinação legal, previsto no Código Penal Brasileiro e que pode gerar multa e prisão de até um ano.

A ação faz parte de parceria entre a Prefeitura de Goiânia e o Governo de Goiás que visou orientar comerciantes quanto ao cumprimento dos decretos estaduais e municipais que suspendem temporariamente atividades econômicas durante a pandemia do coronavírus.

A ação foi realizada na região de Campinas e contou com a participação de auditores fiscais e guardas civis metropolitanos da Prefeitura de Goiânia e de policiais militares.

A Região de Campinas é conhecida por sua variedade de atividades comerciais com destaque para o segmento têxtil.

Essa é a terceira ação conjunta realizada pela Prefeitura de Goiânia e pelo Governo de Goiás visando o cumprimento das determinações quanto a quarentena estabelecida para evitar a propagação do Corona Virus em Goiânia.

Nas duas ações anteriores foram vistoriados comércios das regiões sudoeste e noroeste da capital, que apresentavam alto índice de descumprimento das medidas e, no último dia 8, academias ao ar livre, estações de ginástica e playgrounds de parques da capital foram interditados por auditores fiscais, guardas civis metropolitanos e policiais militares.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.