Prefeitura de Goiânia deve fechar mais uma unidade de saúde para reforma

Administração municipal já fez homologação de processo licitatório com construtora para obras no Cais Jardim Guanabara

Prefeitura já homologou licitação para obras no Cais Jardim Guanabara | Foto: Reprodução / Google

Após o anúncio do fechamento do Centro Integrado de Atenção Médico Sanitária (Ciams) Jardim América, a Prefeitura de Goiânia, por meio da Secretaria Municipal de Saúde deve fechar mais uma unidade de saúde em Goiânia.

Segundo o vereador Vinícius Cirqueira (Pros), a administração municipal pretende fechar o Centro de Atenção Integrada à Saúde (Cais) do Jardim Guanabara para reforma. Assim como a unidade do Jd. América, o projeto da prefeitura é que o Cais que atende moradores da região Norte de Goiânia dê lugar a uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA).

“Hoje o Cais Guanabara atende quase 70 mil pessoas, não apenas do setor Jardim Guanabara, mas também do Vale dos Sonhos e toda a região Norte. Não sou contra a UPA, pelo contrário, sei que pode melhorar muito o atendimento, porém o Cais já tem boa estrutura. O problema é que não tem gestão. Faltam médicos, faltam insumos. Se a secretaria não consegue gerir um Cais imagina uma UPA”, criticou o vereador.

Além disso, Cirqueira subiu à tribuna na sessão plenária desta quinta-feira (28/9) para expressar a preocupação dos moradores com o fechamento da unidade. As pessoas temem que as obras não sejam concluídas dentro do prazo de seis meses estipulado pela prefeitura. “Não vejo possibilidade da conclusão dessa obra neste espaço de tempo. O prazo que era de seis meses vai acabar se transformando em três, quatro anos, como no caso do Cais do Urias Magalhães”, disse o parlamentar.

A prefeitura confirma a contratação de empresa para realizar a obra, mas diz que ainda não há data para que elas sejam iniciadas.

Nesta quinta-feira (28/9), Vinícius Cirqueira apresentou um projeto de Decreto Legislativo para sustar os efeitos da licitação homologada pela prefeitura e também entrou com representação no Tribunal de Contas do Município (TCM) pedindo o cancelamento da licitação. O parlamentar questiona a idoneidade e competência da empresa contratada para realização da obra.

Segundo informações do portal da transparência do Governo Federal, a MVA Construtora está impedida firmar contrato com a Prefeitura de Goianira por dois anos pela não execução de obras de um contrato firmado em 2016. “Se não conseguiu concluir um contrato de R$ 700 mil com a prefeitura de Goianira, como vai realizar uma obra orçada em R$ 2,1 milhões em Goiânia?”, questionou o parlamentar.

Além disso, a vereadora Priscilla Tejota (PSD) apresentou requerimento de convocação para que a secretária de Saúde, Fátima Mrué, vá à Câmara Municipal prestar esclarecimentos sobre o fechamento do Ciams Jardim América, previsto para outubro, do Cais Jardim Guanabara, ainda sem previsão, e ainda explicar o contrato de urgência com empresa de software para atuar na regulação dos serviços da SMS.

2 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
2 Comment authors

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Alice Coelho

Vai fazer uma falta imensa, imagino que será assustador para os moradores dessa região quando chegar a época da dengue, sendo que passam pelo CAIS do Jardim Guanabara na média de 300 pessoas diariamente. Triste realidade nós todos.

Sarah

Eu sou moradora da região e todas as vezes que precisei de um atendimento de urgência ou uma consulta médica eu fui bem recebida e bem atendida no cais do jardim guanabara, não tenho condições de pagar por um plano de saúde, se esse cais fechar e demorar muito tempo para reabrir, seria um prejuízo muito grande. :(