Prefeitura de Goiânia autoriza retirada de dezenas de árvores saudáveis do Setor Marista

Remoção foi feita para criação de vagas para um colégio que está sendo construído no local. De acordo com representante, haverá compensação

Este slideshow necessita de JavaScript.

Com autorização da Prefeitura de Goiânia, dezenas de árvores foram retiradas da rua Amélia Artiaga Jardim e da Alameda Dr. Sebastião Fleury, ambas no Setor Marista.

As árvores saudáveis foram removidas em frente ao local onde será construída a unidade Marista do Colégio Integrado.

Moradores e trabalhadores da região reclamaram da derrubada das árvores. “As árvores são antigas e faziam sombra para praticamente a rua inteira”, disse o designer Lucas Ruiz que trabalha na região e sempre passa por ali para almoçar.

De acordo com Thiago Oliveira, diretor pedagógico do colégio, a remoção foi feita com autorização da Prefeitura. “Aliás, a retirada foi feita para adequar a uma solicitação da Prefeitura a respeito de vagas. Precisamos fazer um recuo do muro do empreendimento para isso”, justificou.

Segundo ele, haverá replantio de árvores para fazer a compensação. “Já compramos R$ 20 mil em mudas”, garantiu.

Procurada, a Prefeitura de Goiânia não respondeu aos questionamentos do Jornal Opção.

2 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
2 Comment authors

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Thiago

Quando se tem dinheiro pode tudo

Mário Borges

Lá no Bosque dos Buritis as arvores estão caindo na rua 01 ,- são centenárias e de grande porte , com as chuvas e os ventos , estão caindo, algumas já caíram e danificaram os carros que estavam estacionados , podem até ceifar a vida de alguém que esteja passando no momento , os repórteres do jornal poderiam ir lá e comprovar com fotos , pois até agora ainda resta troncos e o alambrado danificado…