Prefeitura de Aparecida divulga nota oficial sobre ocupação de prédio inacabado de maternidade

Movimento dos Trabalhadores Sem Terra e Prefeitura da cidade vão assinar um termo de compromisso na sexta-feira (23) e a desocupação ocorrerá em seguida

A Prefeitura de Aparecida de Goiânia divulgou, nesta quinta-feira (22/1) uma nota oficial sobre a ocupação do prédio desocupado que seria uma maternidade pelo Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST). O movimento ocupou o prédio na madrugada do último sábado (17).

De acordo com a nota, após reunião entre a Secretaria de Habitação, os líderes do MTST e a Polícia Militar, ficou decidido que um termo de compromisso entre o movimento e o executivo municipal será assinado na próxima sexta (23) e a desocupação do prédio ocorrerá logo em seguida.

Para que a desocupação ocorra, a Prefeitura se comprometeu a manter parceria com o MTST e apresentar áreas passíveis de assentamento no município.

Confira a nota na íntegra:

Aparecida de Goiânia, 22 de janeiro de 2015

Em reunião entre a Secretaria de Habitação de Aparecida de Goiânia, os líderes do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST) e a Polícia Militar, no final da tarde desta quinta-feira, 22, ficou acertado que será assinado nesta sexta-feira, 23, às 9 horas, um Termo de Compromisso entre o movimento e a Prefeitura de Aparecida. Logo em seguida ocorrerá a desocupação do prédio.

No documento a prefeitura se compromete em manter parceria com o movimento e apresentar áreas passíveis de assentamento e para construção de moradias populares no município e retomaria o cadastro das famílias representadas pelo MTST. Em contrapartida o movimento se compromete a desocupar o prédio público onde estava sendo construída a Maternidade Boa Esperança e que devido a problemas no projeto e que no futuro abrigará um Centro de Especialidades.

Deixe um comentário