Prefeitura de Anápolis deve entregar obra da Ponte da Matinha em 15 dias

Obra sob o córrego João Cezário é antiga demanda dos moradores da região, que frequentemente sofrem com assoreamento

Prefeito Roberto Naves visita obras da ponte da Matinha | Foto: Reprodução / Ascom prefeitura

O prefeito de Anápolis Roberto Naves (PTB) anunciou que a obra da ponte da Matinha, que liga a Vila Santa Izabel ao Bairro Maracanã deve ficar pronta em até 15 dias. Já em fase de finalização, até o final deste mês de julho a obra deve receber pavimentação do trecho afetado da Rua 2, na Vila Santa Izabel, II Etapa.

A ponte da Matinha havia sido interditada no ano passado depois do volume de chuvas que deteriorou as duas cabeceiras, oferecendo risco aos condutores de veículos e pedestres que transitam pelo local. Apesar dos paliativos feitos até o ano passado, os problemas eram recorrentes. Pelo menos uma vítima perdeu a vida no local.

Para o prefeito Roberto Naves, que esteve no local vistoriando a obra, na tarde de quinta-feira (20/7), a intervenção é definitiva. “Era um problema de décadas. Sempre que chovia mais forte, tinha que interditar. Nós conseguimos resolver o problema, sem a necessidade de contratação. Fizemos com recursos próprios”, declarou.

Até agora foram feitos muros de arrimo e são concluídos os aterros das cabeceiras da ponte. Outra iniciativa será a construção de um ‘Colchão Reno’ para impedir que o curso d’água danifique a fundação.

Segundo o secretário de Obras e Serviços Públicos, Vinicius Alves de Souza, a opção por fazer as correções com recursos do tesouro municipal foi acertada. Ele acredita que houve economia no projeto, que poderia ter custado em torno de R$ 1 milhão e vai investir apenas cerca de 50% desse montante.

Confira o vídeo do prefeito em visita ao local das obras:

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.