Prefeitura de Anápolis cogita adotar “Lei Seca” sugerida pela Secretaria de Saúde

Secretaria Municipal de Saúde de Anápolis irá publicar os novos protocolos de prevenção a Covid-19 na próxima quinta-feira, 28

Medida foi sugerida em videoconferência entre o governo e os prefeitos | Foto: Reprodução

Nesta segunda-feira, 25, o governador Ronaldo Caiado realizou uma videoconferência com os prefeitos dos municípios de Goiás. Nela, o governador colocou em discussão a possibilidade das cidades adotarem uma espécie de “Lei Seca”, proibindo a venda de bebidas alcoólicas a partir das 22h. 

A Secretaria Municipal de Saúde de Anápolis (SEMUSA), informou que irá considerar a adoção desta medida sugerida pelo governo de Goiás. Na próxima quinta-feira, 28, a SEMUSA irá publicar os novos protocolos de prevenção a Covid-19 que serão adotados na cidade, conforme matriz que calcula o risco de colapso no sistema de saúde.

Entretanto, apesar de considerar a adoção da “Lei Seca” sugerida por Ronaldo Caiado, o prefeito de Anápolis, Roberto Naves, irá levar em consideração fatores socioeconômicos suscitados pelo fim do auxílio emergencial. Segundo o gestor, antes de adotar medidas mais restritivas, é necessário avaliar todas as variáveis para que não haja a suspensão das atividades sem que haja prazo de retorno.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.