Emedebista participou de reunião com o governador Ronaldo Caiado (DEM) em que pontuou a necessidade de um novo modelo

O prefeito Iris Rezende (MDB) está convencido de que o comércio goianiense não tem condições de ficar abrindo e fechando, como recomenda o modelo de isolamento social 14×14 em vigor. Nesta quarta-feira, 8, o emedebista participou de reunião com o governador Ronaldo Caiado (DEM) em que pontuou a necessidade de um novo modelo.

Iris quer que o governo do estado participe da elaboração de uma alternativa ao isolamento 14×14, com protocolos sanitários e de saúde, mas com flexibilização maior do que a sugerida pela Universidade Federal de Goiás e adotada por Caiado. A intenção do Paço é esse novo decreto seja publicado até a próxima terça-feira, 14.

O dia 14 marca abertura do comércio da capital, prevista pelo decreto municipal que adotou o modelo 14×14. Por esse decreto o comércio ficaria aberto por 14 dias e fecharia por outros 14 dias.

Protocolo

Sem entrar em detalhes, o governador Ronaldo Caiado, em vídeo gravado para redes sociais, disse que protocolo está sendo escrito para a capital, com a participação do prefeito, da sua equipe, com a equipe do governo estadual. “Para que possamos abrir e continuar com a responsabilidade de diminuir cada vez mais a contaminação dos pacientes”.

“É contando com a participação da população de todos nós, para enfrentarmos a pandemia e a partir da terça-feira que estaremos voltando as atividades, mas com muita responsabilidade”, reforçou.

Outras aberturas

Os vereadores Welligton Peixoto (DEM), líder da Prefeitura na Câmara, Zander Fábio (Patriota) e o presidente da casa, Romário Policarpo (Patriota), solicitaram a Iris que incluíssem na abertura os jogos de futebol. A sugestão é que sejam realizados sem participação de público nos estádios.

Os vereadores solicitaram ainda uma data definida para reabertura de academias de ginástica em Goiânia.