Prefeito diz que Plano Diretor é prioritário para diminuir impactos das chuvas em Goiânia

Tempestade causou pontos de alagamento, inundações e queda de árvores

Prefeito Rogério Cruz (Republicanos ) | Foto: Ascom / Divulgação

O prefeito em exercício Rogério Cruz (Republicanos) vistoriou, na manhã deste domingo, 10, pontos de Goiânia que foram atingidos pela forte chuva que caiu na capital no sábado, 9. A intenção da vistoria é acompanhar e corigir os estragos feitos, principalmente nos pontos de inundação e alagamento.

O prefeito em exercício avalia que é preciso adiantar o Plano Diretor, que está em posse da prefeitura para correções desde o final do ano passado. “Precisa ser mandado novamente para a Câmara Municipal, porque dentro dele existe essas situações, como áreas que precisam ser preservadas. Temos 100 pontos de alagamento. Vamos dar prioridade aos principais”, aponta.

O prefeito determinou que os pontos de alagamento que tenha moradores sejam considerados prioritários para as ações da Secretaria de Obras. ” A parte principal é buscarmos soluções para que não aconteça mais”, diz.

O secretário de infraestrutura Luiz Bittencourt aponta que a pasta já atua de forma emergencial com tapa buracos e construção de pequenos buracos para diminuir os efeitos da chuva.”[Foi] uma chuva atípica com 70 mm em menos de uma hora”, disse o secretário.

“A partir de segunda-feira, 11, teremos condições de planejar ações mais organizações, com avaliação dos 100 pontos críticos”, aponta.

O secretário ainda salientou que é preciso estruturar o plano diretor de drenagem urbana de Goiânia para ser debatido nos próximos meses.

O titular de Secretaria Municipal de Desenvolvimento Humano e Social, José Antônio Netto, diz que faz acompanhamento das famílias atingidas pelas fortes chuvas registradas no sábado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.