Prefeita de Novo Gama defende a construção de centro esportivo em terreno público ocupado por famílias

“Infelizmente é uma situação triste, ninguém quer ver uma família sendo desapropriada, mas ali é um terreno público que já tem uma destinação” afirmou Sônia Chaves, prefeita da cidade

Prefeita Sônia Chaves | Foto: Reprodução Goiás/DF

A prefeitura de Novo Gama, Sônia Chaves, decretou reintegração de posse de um terreno habitado por oito famílias. No local está sendo construído o Centro de Iniciação do Esporte (CIE). No entanto, as obras haviam sido paralisadas, porque a Caixa vetou os recursos devido a apropriação do espaço. Segundo a gestora, o pedido foi feito dentro da lei, respeitando o que foi estipulado pela justiça e os moradores tinham sido notificados há cerca de um ano.

De acordo com uma nota oficial, cinco famílias respeitaram a determinação e saíram do local, mas três reivindicaram o espaço junto à Justiça. Segundo a prefeitura, a reivindicação é ilegítima, já que o terreno é público e o governo apenas cumpriu uma ordem judicial.

“Infelizmente é uma situação triste, ninguém quer ver uma família sendo desapropriada, mas ali é um terreno público que já tem uma destinação e nós temos que cumprir a lei, garantindo que uma obra que beneficiará toda população seja retomada e entregue o quanto antes” defendeu Sônia Chaves.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.