Prefeita de Araguapaz é reempossada, mas assim que concluir mandato garante não voltar para política

Depois de ter seu mandato cassado, a Justiça entendeu que Márcia Bernadino não cometeu irregularidades em sua gestão e decidiu reintegrá-la ao cargo. Prefeita disse que tudo não passou de uma grande perseguição e garantiu que abandonará vida política após conclusão do mandato

Prefeita de Araguapaz, Márcia Bernardino de Sousa | Foto: reprodução

O imbróglio pela prefeitura de Araguapaz chegou ao fim. Na noite da última quarta-feira, 12, o presidente da Câmara Municipal da cidade realizou uma sessão extraordinária para reempossar a prefeita Márcia Bernardino ao cargo para o qual foi eleita.

A prefeita estava afastada desde que teve seu mandato cassado pelos vereadores do município, há pouco mais de um ano. No entanto, a Justiça entendeu que não houve o cometimento de irregularidades em sua gestão e decretou nulidade ao processo de impeachment votado e aprovado pelos vereadores de Araguapaz. Porém, apesar da decisão da Justiça, lideranças da Câmara Municipal e o até então prefeito, Gabriel Fornieles, ainda relutavam à ideia de reempossá-la.

Ao Jornal Opção, Márcia comemorou o retorno, mas lembrou que “este foi um ano de muitas decepções”. “Finalmente viram que não havia nada que me prejudicasse. Para mim isso é motivo de orgulho. Sou filha e esposa de ex-prefeitos dessa cidade. Sou a primeira mulher a assumir a prefeitura de Araguapaz. Tenho um nome a zelar. O que tem acontecido aqui no município é pura perseguição política por parte dos vereadores que não me deixam trabalhar”, disparou.

Em outro trecho da entrevista, Marcia garantiu que seguirá fazendo o melhor pela cidade até o fim de seu mandato, porém, garantiu que não irá se submeter novamente à qualquer disputa política. “Não serei mais candidata. Não sei lidar com essa política suja de Araguapaz. Por isso me cassaram. Quem dá dinheiro, eles passam a mão na cabeça, quem não dá, eles perseguem e impedem de administrar. Aqui é assim”, desabafou a prefeita.

Bernadino disse que irá assinar, ainda nesta quinta-feira, 13, um decreto para que seja realizada uma auditoria em todos os órgãos da cidade. “Quero saber e, acima de tudo, que o povo saiba, como recebi a cidade. Quero que eles vejam qual a situação real do município neste momento em que estou assumindo de novo. Quero que vejam quanto temos em caixa, quantos veículos estão estragados, quantas máquinas estão com seus motores fundidos e tudo o que temos para resolver e organizar daqui para frente”, pontuou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.