Por Janaína, Bolsonaro desiste de proposta de inflar STF e até revê redução da maioridade penal

Advogada cotada à vice tenta “abrandar” deputado federal antes de aceitar proposta

Divulgação

Na tentativa de trazer a advogada Janaína Paschoal para a vaga à vice-presidente, o deputado federal e candidato à presidência Jair Bolsonaro (PSL) desistiu de aumentar de 11 para 21 o número de ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) e se dispôs até mesmo a rever a redução da maioridade penal de 18 para 16 anos.

Segundo a coluna Painel, do jornal “Folha de São Paulo”, o candidato teria desistido de vez da primeira proposta e quanto à segunda resolveram chegar a uma média de idade para diminuir a maioridade penal: 17 anos. A advogada ainda teria proposta restrições.

Mesmo com todas as prerrogativas, Janaína ainda reflete, segundo a coluna, sobre a vaga de vice. “Penso que meu papel seria abrandá-lo. A caneta é do presidente. Mas, ao menos na minha área, parece que vai ouvir”, disse.

Deixe um comentário