Por falta de verba, fiscalização de trabalho escravo e infantil é suspensa no Brasil

Ministério do Trabalho irá paralisar ações a partir de agosto em todo país, segundo coluna de “O Globo”

As ações de fiscalização do Ministério do Trabalho contra o trabalho escravo e o trabalho infantil irão parar em todo o país a partir de agosto. A informação é do colunista Lauro Jardim, do jornal O Globo.

De acordo com a publicação, o contingenciamento imposto pelo governo federal impedirá, por exemplo, que seja comprado combustível para os carros. Assim, nenhum fiscal poderá ir a campo fazer inspeções ou flagrantes.

A fiscalização de condições degradantes de trabalho no campo e em obras também será interrompida pela pasta.

Em junho, a Polícia Federal suspendeu a emissão de passaportes também por falta de recursos. Mesmo após liberação de crédito suplementar, há grandes chances de outras áreas da PF serem afetadas ainda neste semestre.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

José Carolos da Silva

Devemos esperar o que de um golpista que está entregando o País aos empresários nacionais e estrangeiros!!