MPF arquiva pedido e aplicação de provas do Enem correrá normalmente em Goiás

Para a instituição realização do exame deve ser tratada de forma nacional e centralizada

Foto: Reprodução

Por Isabel Oliveira

A polêmica da realização ou não do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) vem sendo discutida durante toda essa semana no país. Em Goiás, o Ministério Público Federal (MPF) pediu o arquivamento na última quinta-feira, 14, de Notícia de Fato que tratava do adiamento do exame no Estado, em razão da preocupação com o aumento dos números de casos da Covid-19.

Segundo o MPF, o pedido foi indeferido pela Justiça Federal no último dia 12 de janeiro, decisão que foi aprovada pelo Tribunal Regional Federal da 3ª Região, mantendo a realização do exame.

De acordo com a procuradora da República responsável pelo procedimento, Mariane Guimarães de Mello Oliveira, a decisão sobre a realização do Enem deve ser tratada de forma nacional e centralizada e que medidas específicas devem ser aplicadas apenas quando uma região e situação exigir.

Dessa forma, Goiás que aparece em situação menos grave no mapa de casos da Covid-19 e nos demais estados da região Centro-Oeste, o Enem ocorrerá normalmente. Até o momento, o adiamento foi confirmado no Estado do Amazonas, onde houve, inclusive, colapso do sistema de saúde local.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.