Polícias Civil e Militar apreendem 15 kg de drogas em Goiânia

Mulher que se encontrava na residência, localizada no Jardim Europa, alegou que propriedade é de um presidiário do Mato Grosso do Sul

Foto: Reprodução.

Uma ação integrada entre a Polícia Militar de Goiás e a Polícia Civil, por meio da Delegacia Estadual de Repressão a Furto e Roubos de Cargas (DECAR), resultou na apreensão de 15 kg de skunk (supermaconha) na tarde desta sexta-feira, 25, no setor Jardim Europa, em Goiânia.

As equipes investigavam o roubo de uma carga de medicamentos e quando foram até o local, indicado por uma denúncia anônima, encontraram os entorpecentes.

Uma mulher recebeu os agentes e negou qualquer envolvimento com o crime. Posteriormente, confessou que escondia drogas no local e que a residência era de propriedade de um presidiário do Mato Grosso do Sul.

Os policiais realizaram buscas na casa e encontraram 20 pacotes com os entorpecentes. A suspeita foi encaminhada à Central Geral de Flagrantes da capital, onde foi autuada por tráfico de drogas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.