Policiais aguardam sobrevivente reconhecer autor de homicídio em Itumbiara para dar andamento a buscas

Vítima se encontra em hospital de Goiânia, onde realizou uma cirurgia de emergência após ser baleado na perna pelo atirador

Galpão onde ocorreu o homicídio, nesta terça-feira, 17, em Itumbiara | Foto: Polícia Civil

Após três vítimas de uma mesma família serem baleadas, na cidade de Itumbiara, investigações sobre a identidade do autor estão em andamento. O crime ocorreu em uma oficina, nesta terça-feira, 17, próximo ao estádio da cidade, e apenas um jovem de 21 anos sobreviveu.

Apesar de o pai ter ido a óbito no local, a madrasta e o sobrevivente foram levados ao Hospital Municipal da cidade com vida ainda com vida, mas a mulher não resistiu. De acordo com a Polícia Militar, as vítimas apontaram que uma pessoa contraiu Covid-19 da família e morreu, e por esse motivo, uma outra pessoa voltou para revidar, atingindo a família à tiros.

“Jovem ainda relatou que a família vinha sofrendo ameaças de morte pois eram acusados de terem transmitido coronavírus para a família do atirador, e este estaria ali para vingar a morte de seu pai e de seu irmão, que foram vítimas da Covid-19”, explica o delegado.

A identidade do autor, no entanto, ainda é incerta. O objetivo é que o jovem, única vítima que viu o suspeito e que pode confirmar sua aparência, faça o reconhecimento e ajude no andamento da apuração. No entanto, ele foi encaminhado a um hospital de Goiânia para a realização de uma cirurgia de emergência.

“Ainda não temos certeza sobre a identidade do autor, mas temos palpites, estamos aguardando o contato com a vítima para que possamos revelar a identidade para a mídia e intensificar as buscas”, explicou o delegado do Grupo de Investigação de Homicídios (GIH), Felipe Sala.

Enquanto não há a certeza sobre a identidade do autor, as equipes de inteligência realizam buscas pelas localidades de onde ocorreu o crime.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.