Polícia prende líder de igreja presbiteriana acusado de estuprar menor

Abusos aconteceram por 5 anos na própria igreja e também na casa do evangélico

Divulgação

A polícia do Rio de Janeiro prendeu nesta sexta-feira (28/7) líder de uma igreja presbiteriana por abusar sexualmente, durante cinco anos, de uma menina de 13 anos que frequentava o tempo, localizado em Senador Camará, na Zona Oeste. As informações são do jornal Extra.

Conforme a publicação, o religioso começou a ser investigado pelos policiais, em junho, após denúncias registradas por familiares da vítima.

Segundo a polícia, os abusos aconteciam na própria igreja e também na casa do suspeito, que fica ao lado da igreja. A família deixava a menina na residência do pastor para ficar ao cuidados da mulher dele, mas, quando a mulher deixava a casa, ele praticava os abusos.

O líder ainda oferecia balas e doces, além de uma pequena quantia de dinheiro para a menina. Depois que o caso veio à tona, o pastor fugiu do local onde mora, mas voltou depois de um mês e teve a prisão temporária decretada.

1 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
1 Comment authors

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

John melo

A igreja Presbiteriana em Senador Camará hoje 28/07/17, foi vítima da irresponsabilidade do Jornal Extra, O Dia e do Zona Oeste News por ter divulgado uma matéria sobre a prisão de um pedófilo afirmando que o mesmo era presbítero da igreja Presbiteriana. Graças ao bom Deus conseguimos descobrir a procedência do criminoso, ele foi Presbitério da Assembléia de Deus do Viegas em Senador Camará e o mesmo estava afastado da comunhão. A informação foi fornecida pelo Pastor da igreja. Fica aqui registrada a nossa indignação, e com certeza tomaremos as medidas cabíveis contra os responsáveis por tal calúnia. Por favor… Leia mais