Polícia prende estelionatário que aplicou golpe de R$ 4 milhões em familiar

Valor seria referente a compra a de uma fazenda

Foto: Divulgação Polícia Civil

O Grupo Especial de Repressão a Crimes Contra o Patrimônio (Gepatri) de Itumbiara, coordenado pelo delegado Ricardo Torres Chueire, prendeu na tarde desta segunda-feira (28/5),  Rubens Ribeiro de Sena, de 59 anos, por estelionato.

De acordo com investigações da Polícia Civil de Morrinhos, local onde foi expedido o mandado de prisão, Rubens e seu comparsa, Décio Bento de Godoy Júnior, falsificaram documentos e mostraram fotos de fazendas que estavam à venda para a vítima, que é parente de Rubens. Diante da confiança mediante o parentesco dos envolvidos, a vítima repassou aos dois aproximadamente R$ 4 milhões até que o crime fosse descoberto.

Após ser capturado no Setor Santos Dumont, em Itumbiara, o investigado foi recolhido ao Presídio Regional de Sarandi pelos policiais civis.

Décio, que já estava preso há quase um ano, está cumprindo pena no presídio de Morrinhos e ambos estão à disposição do poder judiciário. O crime de estelionato prevê pena de reclusão de um a cinco anos e multa.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.