Polícia prende casal que aplicava golpes em Goiânia e ostentava nas redes sociais

Casal montou cinco empresas para praticar crimes. Ao todo, prejuízo estimado é de R$ 5 milhões

Foto: Reprodução/Polícia Civil

Após seis meses de investigação, a Polícia Civil de Goiás (PCGO) desbancou o casal Valter Ferreira de Faria Júnior, 41, e Daniela Rodrigues Dourado Aguirre, 42, acusados de montarem agências de viagens “de fachada” e aplicarem golpes em seus clientes.

Segundo a PCGO, após receberem dos clientes os valores cobrados pela agência, o casal realizava o pagamento para empresas de aviação com cartões de crédito clonados.

Em um apartamento, localizado no Jardim Goiás da capital, policiais civis encontraram diversos artigos de luxo, bem como cartões de crédito, documentos falsos e placas de veículos supostamente clonadas.

Além disso, ambos são investigados por intermediar a locação de veículos em aeroportos do Brasil e depois trazê-los para Goiânia, onde eram revendidos após adulteração de documentação.

Para praticar os crimes, o casal montou cinco empresas. Ao todo, o prejuízo estimado é de R$ 5 milhões. Daniela, possuía dez CPFs diferentes.

Foto: Reprodução/Polícia Civil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.