Polícia fecha farmácia por suspeita de venda ilegal de remédios de uso controlado

Agentes encontraram psicotrópicos e anabolizantes armazenados em escritório nos fundos do estabelecimento, em Goiânia

Remédios apreendidos em escritório nos fundos de drogaria, em Goiânia | Foto: Divulgação PCGO

Drogaria na Av. 85, no Setor Sul, em Goiânia, foi interditada pela Polícia Civil em operação que identificou indícios de venda ilegal de medicamentos de uso controlado, como psicotrópicos e anabolizantes.

Durante a operação policial, comandada pela Delegacia de Repressão a Crimes Contra o Consumidor (Decon), com apoio da Vigilância Sanitária e do Ministério Público de Goiás, foi encontrado um escritório situado aos fundos da farmácia fiscalizada, local onde possivelmente se daria o comércio ilegal de medicamentos sujeitos a controle especial.

Segundo informações da Polícia Civil, uma porta oculta dava acesso ao escritório onde foram encontrados armazenados para venda medicamentos de uso controlado, como psicotrópicos e anabolizantes, notificações de receitas em branco, seringas já utilizadas e outras novas, que indicam a prática de comércio ilegal de medicamentos no local.

O proprietário da drogaria interditada, que não estava no local no momento da ação policial, é investigado pela prática de tráfico de drogas e crime contra saúde pública.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.