Polícia deflagra operação para investigar suposta quadrilha na Câmara de Inhumas

Cerca de 40 policiais cumpriram mandados de busca e apreensão na cidade. Dentre os locais alvos da ação, estão a própria Câmara e a residência do presidente da Casa de leis

Divulgação

A Polícia Civil deflagrou na manhã desta terça-feira (19/9) operação batizada de Assepsia na cidade de Inhumas, a 48 quilômetros distantes da capital, tendo como alvo a existência de uma suposta organização criminosa instalada no Legislativo da cidade.

Foram cumpridos mandados de busca e apreensão em diversos locais, dentre eles a Câmara Municipal e a residência do presidente da Casa de leis. Segundo a corporação, aproximadamente 40 policiais lotados nas cidades de Inhumas, Anápolis, Nerópolis e Goiânia participam da operação.

A investigação é presidida pelo delegado Humberto Teófilo, titular da Delegacia de Polícia de Inhumas. De acordo com o titular, este primeiro momento da operação visa coletar provas que indiquem, de fato, a existência da organização criminosa.

Conforme foi apurado, os integrantes do esquema estariam desviando recursos públicos, nomeando funcionários fantasmas, fraudando licitações e recebendo vantagens indevidas.

1 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
1 Comment authors

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Piduno

Demoro