Polícia Civil realiza maior apreensão de produtos falsificados dos últimos três anos em Goiás

Foram apreendidas mais de 300 mil peças automotivas importadas da China

Peças automotivas falsificadas apreendidas pela Decon | Foto: Divulgação

Após denúncia da Associação Brasileira de Combate a Falsificação (ABCF), a Delegacia de Crimes contra o Consumidor (Decon), da Polícia Civil, cumpriu quatro mandados de busca de apreensão contra a maior quadrilha de falsificação de peças automotivas do Centro-Oeste.

O QG da quadrilha se localizava em Itapuranga, onde a polícia fez apreensão de milhares de peças automotivas falsificadas em quatro endereços. Um deles era a sede principal e os outros três serviam como depósitos ou local de gravação e embalagem do material falsificado.

A maioria das peças eram importadas da China, com declarações falsas de importação, sem marca e a granel. Nos locais, a quadrilha realizava as gravações e empacotamento em embalagens imitando as marcas. Todo o material apreendido foi levado à Goiânia, onde a perícia fará a comprovação da falsificação.

O chefe da quadrilha teve prisão decretada e está foragido. O mesmo grupo havia sido alvo da operação Carango, em 2019. Segundo o delegado Frederico Maciel, coordenador da ação, as apreensões superam 300 mil peças de diversas marcas e modelos. Ele afirmou que esta é a maior operação contra falsificação dos últimos três anos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.