Polícia Civil indicia três vereadores de Goiatuba por desvio de verba pública e rachadinha

Cerca de R$ 450 mil foram desviados entre 2017 e 2020

Três vereadores foram indiciados| Foto: Divulgação

Após seis meses de investigação, a Polícia Civil de Goiás, por meio da Delegacia de Polícia (DP) de Goiatuba, indiciou três vereadores por desvio de recursos dos cofres públicos. Os três foram indiciados por vários atos de peculato. O grupo atuou entre os anos de 2017 e 2020. No período foram desviados cerca de R$450 mil. Segundo o delegado responsável pelo caso, Patrick Carniel, as investigações começaram devido a uma denúncia de funcionário fantasma na Câmara, que foi confirmada pela polícia.

Ainda segundo o delegado, o funcionário fantasma recebia r$ 7 mil e não trabalhava fora da Câmara. Mas o salário dele ia todo para o vereador que o indicou, o que configura a famosa rachadinha. O dinheiro desviado foi utilizado para diversos fins. Parte foi usada na compra de um imóvel na cidade e procedimentos médicos. Outra parte foi sacada na boca do caixa por funcionários do vereador investigado, além de terem sido depositadas quantias na conta de um amigo do vereador investigado.

O esquema consistia na indicação de pessoas para trabalharem na Câmara de vereadores da cidade. Os indicados ocupavam cargos de 1º, 2º e 3º escalão. Durante a investigação, a Polícia Civil constatou que os contratados jamais desempenharam a função para as quais foram contratados. Segundo a investigação, os proventos eram destinados, parcialmente ou integralmente para o vereador que realizou a indicação.

Os desvios contavam com o consentimento de outros dois vereadores da casa legislativa. Responsáveis pelo controle e chefia dentro da casa, os dois também foram incluídos no inquérito. Além dos vereadores, outros cinco funcionários contratados foram indiciados pela prática de peculato. O inquérito foi encaminhado para o Poder Judiciário.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.