Polícia apreende 1,2 tonelada de alimentos vencidos

Alimentos impróprios para o consumo lotaram as carrocerias de duas caminhonetes empregadas na operação

Havia presunto, muçarela e salsicha entre os alimentos com data de validade vencida (Foto: PC/ Divulgação)

Uma panificadora de Goiânia, localizada no Setor Sudoeste, foi autuada na tarde desta segunda-feira, 11, por colocar à venda alimentos vencidos. Ao todo, agentes da Delegacia Estadual de Repressão a Crimes Contra o Consumidor (Decon) e do Procon Goiás apreenderam 1,2 toneladas de produtos impróprios para o consumo.

De acordo com informações da Polícia Civil, a maior parte dos produtos estava acondicionada em duas câmaras frias no interior do estabelecimento comercial. Entre as mercadorias, havia presunto, queijo muçarela e salsicha. Alguns frios estavam com a data de validade vencida desde fevereiro de 2019.

O dono do estabelecimento, no entanto, não foi preso. Ele faz parte do grupo de risco e está isolado no interior do estado. Ainda assim, ele responderá por vender, ter em depósito para vender ou expor à venda  mercadoria em condições impróprias ao consumo. A pena é de detenção, de dois a cinco anos, ou multa.

Os alimentos impróprios para o consumo lotaram as carrocerias de duas caminhonetes empregadas na operação.

Os produtos serão descartados no Aterro Sanitário de Goiânia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.