PMN desiste de processos que questionam a eleição de Maguito

Pedidos de impugnação da chapa do emedebista e contra expedição do diploma já foram acatados pela Justiça Eleitoral no final de julho e início deste mês

Ex-vereador Paulo Daher, presidente do Mobilização Nacional, antigo PMN

O Mobilização Nacional, antigo PMN, desistiu dos processos que buscavam impugnar a chapa do MDB, encabeçada por Maguito Vilela, na disputa a prefeito de Goiânia, e contra a expedição do diploma ao emedebista. Os pedidos de desistências dos processos já foram acatados pela Justiça Eleitoral no final de julho e início deste mês.

A decisão do partido ocorreu após reunião do diretório estadual no final de julho, na qual o MN definiu como meta fortalecer a legenda para a eleição de 2022. Os processos dificultariam um diálogo com outras siglas, inclusive o Republicanos do prefeito de Goiânia Rogério Cruz, explica o secretário estadual do Mobilização Nacional e advogado das ações, Fernando Sales.

“O partido se prepara para as eleições do ano que vem e por isso achou melhor desistir dessas ações”, afirma Fernando. Outro motivo para a desistência, segundo ele, é a boa relação entre o presidente estadual, Paulo Daher, e o prefeito de Goiânia. “Eles foram colegas na Câmara de Goiânia e, devido ao bom relacionamento, achou melhor desistir dessas ações”, explica o secretário estadual.

Fernando Sales, secretário estadual do MN e advogado das ações contra a eleição de Maguito

Na eleição passada, o MN fazia parte do chapa encabeçada pelo senador Vanderlan Cardoso (PSD) na disputa a prefeito da capital. Na semana passada, o pessedista fez uma visita ao prefeito Rogério Cruz.

Na ocasião, Vanderlan confirmou a parceria administrativa com o republicano, sinalizou com uma aliança política para as próximas eleições e disse – em entrevista ao Jornal Opção – que desistiria de questionar a eleição da chapa de Maguito, na qual Cruz foi eleito como vice.     

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.