PM-GO diz que Corregedoria está acompanhando investigação contra grupo de extermínio

Cinco policiais militares foram presos na manhã desta terça-feira, 18, pela operação do MP

A Polícia Militar de Goiás designou equipe de oficiais corregedores para atuar e acompanhar o cumprimento dos mandados de prisão na operação contra policiais investigados por participar de grupo de extermínio. Informações preliminares, não confirmadas pela PM-GO, indicam nomes que já podem ter sido capturados.

Entre eles estão o Tenente Belelli, Tenente QOA Bruno, Argento Raithe, Terceiro Sargento Felipe e Cabo Ismael. Os cinco teriam sido presos em Caldas Novas, suspeitos de compor o grupo investigado na Operação Circo da Morte.

A investigação foi desencadeada pelo Ministério Público do Estado de Goiás e pela Polícia Federal e conta com o apoio da Polícia Militar para efetuar as prisões. “Ressaltamos que todas as providências legais estão sendo adotadas”, disse a PM em nota.

Policiais são suspeitos de terem atuado em grupo de extermínio nas comarcas de Caldas Novas, Santo Antônio do Descoberto e Alto Paraíso de Goiás.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.