Plano Diretor será votado nesta quinta-feira, na Câmara de Goiânia

Esta é a última etapa da matéria na Casa Legislativa; caso seja aprovado, documento seguirá para sanção do prefeito, Rogério Cruz (Republicanos)

Diferente do que alguns parlamentares conjecturavam, a tensão criada nos últimos dias em relação ao Código Municipal Tributário (CTM) e o aumento abusivo do Imposto Predial Territorial Urbano (IPTU) não foi suficiente para interferir na tramitação do Plano Diretor. O documento, inclusive, se encontra na pauta previsto para ser votado nesta quinta-feira, 3. Decisão de colocar matéria na pauta foi acordada pelo prefeito Rogério Cruz (Republicanos) e o presidente da Câmara, Romário Policarpo (Patriota), possivelmente realizadas em reunião que ocorreu na manhã desta quarta.

Alguns vereadores, como Sabrina Garcêz (PSD), que foi relatora da matéria na Comissão Mista, já tinham dito ao Jornal Opção que por serem matérias distintas, uma não teria interferência na outra, mesmo após Romário Policarpo dizer em reunião com os vereadores que, neste momento, não haveria condições de colocar o Plano Diretor em votação.

É preciso lembrar que o documento retornou à Câmara Municipal no início de dezembro do ano passado. Em dezembro, foram realizadas três audiências públicas pela Comissão Mista. Já em janeiro, foram realizadas outras duas, após judicializações: uma no dia 4 de janeiro, um dia antes da aprovação do relatório da Comissão Mista, outra no dia 31.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.