PF cumpre 12 mandados de prisão para suspeitos de envolvimento em fraudes na Eletronuclear

Esquema abrigava contratos fraudulentos e pagamento de propinas na estatal de energia, responsável pela administração do Complexo Nuclear de Angra dos Reis

Foto: Reprodução

Na manhã desta quinta-feira, 25, policiais federais cumprem 12 mandados de prisão temporária e 17 de busca e apreensão por suspeitas de participação em esquema de fraudes e pagamento de propina na Eletronuclear.

De acordo com a Polícia Federal (PF), o esquema envolvia contratos fraudulentos e pagamento de propinas na estatal de energia, responsável pela administração do Complexo Nuclear de Angra dos Reis.

Os mandados, decretados pela 13ª Vara Federal de Curitiba, no Paraná, estão sendo cumpridos no Rio de Janeiro, em São Paulo e no Distrito Federal.

A ação é um desdobramento das operações Radioatividade, Irmandade, Prypíat e Descontaminação e tem como base a delação premiada feita por dois lobistas que foram presos em 2017.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.