Pessoas voltam à porta da Polícia Federal em Goiânia para pedir a renúncia de Dilma

Protesto começou por volta das 18h30 desta quinta-feira (17/3) no setor Bela Vista, em frente à Superintendência goiana da PF

Por volta das 18h30 desta quinta-feira (17/3), manifestantes começaram a se dirigir para a porta da sede da Superintendência da Polícia Federal (PF) em Goiânia, no setor Bela Vista. O grupo apóia o processo de impeachment da presidente da República Dilma Rousseff (PT), a não posse do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva como ministro-chefe da Casa Civil e a renúncia da petista do cargo.

De acordo com os manifestantes, o número de pessoas neste momento no local seria entre 150 e 200. Já a Secretaria Municipal de Trânsito, Transportes e Mobilidade (SMT) disse que, até as 19h20, havia 100 pessoas na porta da PF. A convocação acontece por grupos e mensagens em redes sociais.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.