O ex-magistrado teria 34% e o presidente teria 31%. Bolsonaro venceria os demais postulantes

Pesquisa XP-Ipespe, divulgada na sexta-feira, 12, mostra que o ex-ministro e ex-juiz federal Sergio Moro venceria o presidente Jair Bolsonaro no segundo turno.

Sergio Moro teria 34% contra 31% de Bolsonaro.

Jair Bolsonaro e Sergio Moro não estão falando mais a mesma linguagem: o realismo do primeiro choca-se com o rigor do segundo | Foto: Adriano Machado/Reuters

O detalhe é que, enquanto Bolsonaro está em campanha desde o primeiro dia de seu governo, Sergio Moro permanece recolhido — trabalhando, para sobreviver, e pouco falando de política.

A pesquisa indica que nenhum outro candidato, nem mesmo Lula da Silva, venceria Bolsonaro no segundo turno.

É provável que os números de Lula da Silva melhorem nas próximas pesquisas, dado o fato de que, agora, ele pode ser candidato.

É pouco provável que dois candidatos da direita, Bolsonaro e Sergio Moro, disputem o segundo turno. A tendência é fiquem para a disputa da finalíssima postulantes da direita e da esquerda.