Pesquisa aponta que anticorpos em pacientes recuperados da Covid-19 diminuem rapidamente

Estudo testou 37 pacientes sintomáticos e 37 assintomáticos. Diagnóstico cria dúvidas acerca da imunidade contra a doença

Um estudo chinês, realizado pela Universidade Médica de Chongqing, mostrou que os níveis de anticorpos encontrados em pacientes recuperados da Covid-19 diminuíram rapidamente cerca de dois a três meses após a infecção. O diagnóstico cria dúvidas acerca da imunidade contra a doença.

Acontece que a pesquisa enfatiza o risco de usar os chamados “passaportes de imunidade” da doença e justifica o uso prolongado de intervenções de saúde pública como distanciamento social e isolamento dos grupos de alto risco, por exemplo.

A pesquisa estudou 37 pacientes sintomáticos e 37 assintomáticos. O que foi observado é que o índice de um dos principais tipos de anticorpos induzidos após a infecção, o IgC, caiu drasticamente entre dois e três meses depois. Segundo o estudo, o índice de declínio superou a casa dos 70%.

Para anticorpos neutralizadores de soro, o declínio apresentado pelos pacientes sintomáticos foi de 11,7%. Já os assintomáticos registraram uma queda de 8,3%.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.