Pesquisa aponta que 34,4% dos eleitores votariam em Lula mesmo que esteja preso

Levantamento ainda elencou os principais medos dos eleitores com relação ao futuro

O Instituto Paraná Pesquisas divulgou, nesta quinta-feira (16/8), o resultado de um levantamento que aponta o percentual de eleitores que votariam no candidato Lula mesmo que ele esteja preso em Curitiba. De acordo com a pesquisa, 34,4% afirmaram que votariam no ex-presidente enquanto 65,6% responderam não.

A pesquisa ainda elencou os maiores medos da população com relação ao futuro. A maior preocupação. atinge 27,2% dos eleitores, é com o aumento da violência/insegurança. Em segundo lugar, com 20,7%, é de que o país não saia da crise ou de piorar a situação econômica do país.  A terceira maior preocupação dos eleitores entrevistados é de ficar desempregado.

A pesquisa ainda apontou outros medos como “ficar doente e não ter assistência médica”, “que os políticos corruptos permaneçam impunes”, “aumento da inflação”, “falta de educação” e outros.

A pesquisa ouviu 2.002 eleitores através de entrevistas pessoais com eleitores com 16 anos ou mais em 26 Estados e Distrito Federal e em 168 municípios brasileiros entre os dias 09 e 13 de agosto de 2018. O levantamento atinge um grau de confiança de 95% para uma margem estimada de erro de aproximadamente 2% para os resultados gerais.

Deixe um comentário