Personal trainer flagra traição da esposa com morador de rua e história termina em agressão; veja vídeo

O educador físico encontrou a mulher mantendo relações com a vítima dentro do carro do casal

Um personal trainer é investigado por ter espancado um morador de rua na região administrativa de Planaltina, no Distrito Federal. A agressão aconteceu depois que o agressor flagrou a esposa mantendo relações sexuais com a vítima dentro do carro do casal. Câmeras de segurança registraram o ataque de fúria do homem, que também investiu contra a companheira.

No vídeo dá para ver que o personal trainer, que tem 31 anos, se aproximou a do carro da esposa. Ele bate na lataria várias vezes, até que consegue abrir a porta, tira o morador em situação de rua de dentro e o agride repetidas vezes. O homem sai sem roupas e é novamente espancado.

A esposa, de 33 anos, se ajoelha no chão e é contida pelo personal trainer, identificado como Eduardo Alves.

Após a confusão, o casal foi encaminhado para a 16ª Delegacia de Polícia, localizada em Planaltina.

Já a vítima das agressões foi socorrida pelo Corpo de Bombeiros e levada para o hospital da cidade com vários ferimentos, principalmente no rosto.

Segundo relatos feitos pelo personal aos políciais, a mulher vinha apresentando problemas psicológicos, e que na data do ocorrido, ela saiu com a mãe dele. “Ele (Eduardo) relatou que após ajudar um morador de rua em Planaltina, as mulheres (mãe e esposa) haviam se separado. Ele procurou pela esposa e ao avistar o carro estacionado, imediatamente se aproximou, momento em que viu a mulher com um homem, tendo relações. Nesse momento entrou em luta corporal com o acusado, pois, acredita que ela estava sendo estuprada. A delegacia apura o caso”, disse a Polícia Civil.

Veja o vídeo:

Uma resposta para “Personal trainer flagra traição da esposa com morador de rua e história termina em agressão; veja vídeo”

  1. Avatar Marcelo disse:

    A crente saiu pra fazer caridade e o marido não entendeu a situação.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.