PDT reforça pré-candidatura de Waldeci Morais à Prefeitura de Vila Propício

Com o apoio da cúpula do partido, a vice-prefeita vê a possibilidade ganhar a disputa nas urnas

Vice-prefeita de Vila Propício, Waldeci | Foto: Reprodução

Vice-prefeita de Vila Propício, por dois mandatos consecutivos, a confeccionista Waldeci Morais (PDT) lançou sua pré-candidatura à Prefeitura. “Como vice, eu realmente não tive a oportunidade de mostrar meu trabalho e fazer mais pela nossa cidade e por nosso distrito”, diz.

Waldeci nasceu e cresceu no distrito de Assunção de Goiás (Dois Irmãos), na Fazenda Baixão, e hoje, aos 50 anos, fortalece seu nome para pleitear um cargo executivo em Vila Propício. “Minha família também é daqui, meu esposo foi vereador por dois mandatos, por isso posso dizer que conhecemos bem a região e sabemos o que a população precisa”, destaca.

Com o apoio da cúpula do PDT, da deputada federal Flávia Morais, do deputado estadual Karlos Cabral e do presidente do partido Dr. George Morais, a vice-prefeita vê a possibilidade de chegar à Prefeitura. “São políticos que sempre tiveram um carinho especial por nossa região e tenho certeza que com o apoio e ajuda deles, poderei fazer muito para nossa gente”, fala Waldeci.

A pré-candidata afirma que o principal desafio se eleita será atuar na geração de empregos, que segundo ela, é atualmente a grande carência da cidade. “Vou articular para criar um polo industrial no distrito de Dois Irmãos, para atrair empresas, capacitar, gerar empregos e aumentar a renda dos moradores”, explica a política.

Waldeci também garante que lutará por recursos e emendas para a área da saúde. “Em tempos de pandemia do coronavírus e especialmente após essa crise, todo e qualquer investimento nessa área será bem-vindo. Precisamos cuidar da nossa população e proporcionar a ela atendimentos de saúde dignos e eficazes”, ressalta ela.

A pré-candidata possui ainda um projeto de regularização fundiária na cidade. “Temos hoje cinco assentamentos na cidade. Precisamos resolver a situação dessas pessoas, incentivá-las e ajudá-las a se capacitarem para terem um emprego e saírem desse estado de vulnerabilidade”, conta Waldeci.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.