O diretório do Partido Comunista do Brasil(PCdoB), em Goiânia, confirmou a pré-candidatura de Fábio Tokarski a prefeito de Goiânia nas eleições de 2024. O partido faz parte da federação que inclui o PT e o PV, ambos com pré-candidatos à prefeitura de Goiânia.

A decisão do PCdoB foi referendada em outubro de 2021 e passou pela direção nacional do partido. Em nota à imprensa, a sigla aponta que Tokarski já está com a pré-candidatura ativa e que tem buscado elaborar e planejar o programa de governo.

O partido planeja ainda lançar o movimento ‘Goiânia 100 anos, o futuro começa agora’, como parte da proposta “para melhorar a vida das pessoas goianienses e revigorar a cidade”.

Fábio Tokarski é professor, engenheiro civil, foi vereador por Goiânia por 3 mandatos , secretário municipal, presidente estadual do PCdoB Goiás e deputado estadual (2003/2007). É secretário nacional de Finanças do Comitê Central do PCdoB.

Concorrentes

A Federação Brasil da Esperança conta, hoje, com três pré-candidaturas. Adriana Accorsi (PT), Cristiano Cunha (PV) e Fábio Tokarski (PCdoB). A obrigação legal de permanecerem na federação por pelo menos quatro anos faz com que somente partidos com uma boa afinidade ideológica e de programas busquem se unir para uma atuação conjunta, tanto legislativa, quanto nas eleições, por meio desse instituto jurídico.

Federação só pode ter um candidato

A decisão de manter a candidatura pode provocar ruídos na federação partidária formada por PT, PV e PCdoB. A partir da extinção das coligações nas eleições proporcionais, os partidos poderão se unir para apoiar qualquer cargo, desde que assim permaneçam durante todo o mandato a ser conquistado.

Com duração de quatro anos, a federação se equipara a um partido político, ou seja, devem possuir um estatuto próprio, com regras sobre fidelidade partidária e sanções a parlamentares que não cumprirem orientação de votação, por exemplo.

Leia também: Federação PSDB-Cidadania se mantém com esforço e discórdia

Como a federação foi formada para a eleição geral de 2022, apenas uma das três pré-candidaturas lançadas pelos três partidos deve vingar. Portanto, a decisão deve ficar para a convenção partidária, que inicia em 20 de julho e vai até 5 de agosto de 2024.

Leia também:

Cidadania apoia Accorsi em Goiânia, apesar da federação com o PSDB

“A federação não está sendo federação”, diz Cristiano Cunha, do PV, ao dizer que PT ocupa “todos os espaços”