Responsável pelo local foi preso na cidade de Taquaral

No último final de semana, a Polícia Civil de Goiás efetuou a prisão do proprietário de um laboratório de mídia “pirata”, que funcionava na cidade goiana de Taquaral.

Foram apreendidos aproximadamente 10 mil DVDs falsificados, além de maquinário utilizado para contrafação, como gravadoras e impressoras.

A ação foi uma parceria da Delegacia Estadual de Investigações Criminais (DEIC) e da Delegacia Estadual de Repressão a Crimes Contra o Consumidor (DECON).

O suspeito irá responder pela prática do crime de violação de direito autoral, previsto no art. 184 do CP, que prevê pena de prisão de até quatro anos e multa.