Pastor que disse orar pela morte de Paulo Gustavo se arrepende e pede perdão

Pastor José Olímpio, da Assembleia de Deus Missão em Alagoas, publicou uma nota com pedido de desculpas na noite deste domingo, 18

Pastor José Olímpio | Foto: Reprodução

Após fazer uma publicação em suas redes sociais onde dizia que iria orar pela morte do ator Paulo Gustavo, que está internado em estado grave para tratar da Covid-19, o pastor José Olímpio, da Assembleia de Deus Missão em Alagoas, parecer ter se arrependido e pediu desculpas.

Em sua conta no Instagram, o pastor publicou na noite deste domingo, 18, uma nota com um pedido de desculpas e disse que não intenção do seu coração ferir, ofender ou machucar ninguém. “Jamais eu ofenderia propositalmente alguém, estou nessa idade, e por onde passei fui construindo amigos e servindo a quem precisa com o que está ao meu alcance”, disse o pastor em nota.

O religioso afirmou ainda que, voluntariamente, colocou as suas funções à disposição da Mesa Diretora da Convenção dos Ministros da Igreja Evangélica Assembleia de Deus no Estado de Alagoas – COMADAL. “Quão tolo eu fui! Por ter escrito a sandice que escrevi, mesmo sem no meu intimo desejar a morte de ninguém, pois apesar de minhas fraquezas, sou um cristão convicto. Peço mil vezes a todos: DESCULPAS, DESCULPAS, DESCULPAS.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.