“Passarinhos do Cerrado” celebra 9 anos de estrada

A proposta musical dos integrantes é baseada no estudo da cultura popular brasileira, tendo como referência as manifestações nordestinas e do Centro-Oeste brasileiro

Grupo goiano Passarinhos do Cerrado | Foto:  Rafaella Pessoa

Grupo goiano Passarinhos do Cerrado | Foto: Rafaella Pessoa

O grupo “Passarinhos do Cerrado” celebra com festa, na próxima sexta-feira (22/5), nove anos de união. O evento começa às 22 horas, na sede do Ninho Cultural, espaço de ensaio e criação do grupo, no Conjunto Riviera. A entrada é R$ 15 até meia-noite.

Os seis amigos ainda festejam o início dos trabalhos para gravação do novo disco “Origens”, aprovado na Lei Municipal de Incentivo à Cultura. Para sexta-feira, eles contarão com a presença do grupo de Brasília “Seu Estrelo e o Fuá do Terreiro”. Os goianos lançaram no ano passado o CD “Coco de Folia” e apresentarão algumas canções deste álbum.

“Passarinhos do Cerrado” iniciou carreira em 2006, a partir da iniciativa do músico e compositor Rodrigo Kaverna e de encontros e oficinas de música popular com outros jovens músicos.

A proposta musical dos integrantes é baseada no estudo da cultura popular brasileira, tendo como referência as manifestações nordestinas e do Centro-Oeste brasileiro. O grupo envereda pelo universo das raízes brasileiras, transpondo limites geográficos, compondo poesias, melodias e arranjos que misturam o ritmo nordestino com manifestações culturais regionais, como as folias de Reis e do Divino.

O grupo já viajou muito, tendo ido até para a África do Sul, para o 17º Festival Mundial da Juventude em 2010. Os passarinhos também já se apresentaram no Festival Internacional de Cinema e Vídeo Ambiental (Fica), no Encontro de Culturas Tradicionais dos Povos da Chapada, na Chapada dos Veadeiros, entre outros festivais.

Em novembro de 2012, com a música “Peregrinação”, o grupo ficou em primeiro lugar no Festival Canta Cerrado, realizado pelo SESI, que premiou composições inéditas de artistas goianos.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.